21 de fev de 2013

Andando nos passos de Jesus - Larry McCall

Não sei por que ainda não tinha indicado esse livro aqui. Já fazem alguns anos que o li pela primeira vez. E quem foi a Conferência Fiel para Jovens em 2009 certamente o recebeu no kit do evento. Então, muitos seguidores aqui do Baluarte Literário devem ter esse livro em sua estante.

Confesso que não dei muita atenção a ele de imediato e apenas um ano depois o li com perseverança e afinco. Pra falar a verdade, devorei cada capítulo. Lembrei dele num planejamento de aulas de EBD (Escola Bíblica Dominical). Eu acabara de passar um semestre falando com meus alunos (adolescentes de 12 a 16 anos) sobre a missão que temos de amar. Sim, amar em todos os contextos. Nossos estudos eram baseados na epístola de I João (O apóstolo amado. Também te amo, João) e eu queria continuar falando dentro desse tema, só que de uma forma mais prática, usando exemplos reais para mostrar a eles que éramos capazes de realizar tudo que havíamos aprendido. Foi aí que lembrei de Andando nos passos de Jesus.

Corri para minha estante e achei o livro. Dei uma olhada no sumário e fui lendo os capítulos com aquele olho clínico de professor pra ver se o que estava explanado ali condizia com o que eu estava procurando (prática, doutrina etc). E não é que deu certinho? Que melhor exemplo que Jesus para nos ensinar a por em prática os ensinamentos das Escrituras?

Eu gostei desse livro em todos os sentidos. Os aspectos físicos dele me agradam bastante (diagramação, fonte e espaçamento ok, folhas amareladas que eu amo <3) e o conteúdo é de um acesso incrível. A linguagem é clara e concisa, e o Pr. Larry MacCall usa muitas referências bíblicas no corpo do texto respaldando cada tema. Os capítulos são independentes, curtos e apresentam caracteríscas da pessoa de Jesus em situações diversas. O objetivo é funcionar como impulsionador de autoexame. Ao final de cada capítulo, existem algumas perguntas para você relembrar o que leu e examinar a sua vida em comparação com a de Cristo. Pode muito bem funcionar como apoio para tempo devocional individual ou para estudos em grupo, que foi como eu usei.

O resultado dessa minha leitura foram oito meses de estudos focados na pessoa de Jesus Cristo com meus alunos amados, muitos sorrisos, conversões, visíveis mudanças de atitude (inclusive minhas), o incentivo ao gosto da leitura entre adolescentes e um dos períodos de EBD mais inesquecíveis de todos os tempos.

Lembrando que este não é um livro infanto-juvenil. Eu o usei na classe, porque vi que meus irmãozinhos acompanhariam o raciocínio. Então, se você quiser estudá-lo com adultos, vá em frente. Esta é, sem dúvida, uma leitura que antes de edificar outras vidas, edificará a sua, assim como aconteceu comigo. Afinal, a vida de Jesus nos constrange e Ele nos convida a andar como Ele andou.

Se você gostaria de possuir o livro físico, é só comprar na Loja Virtual da Editora Fiel.
Mas se você quiser conferir a obra antes ou está sem grana, a moleza é que tem E-book grátis
Obrigada por tudo e boa leitura.

6 de fev de 2013

De volta ao lar - Mary Pride


Olá, pessoal, como vão?
Hoje eu quero escrever para vocês um post especial. Num momento crucial como este que o cristianismo está evidenciando no Brasil com a aprovação da União Homossexual (intensamente defendida pelo movimento GLBT e sua agenda Gay) eu gostaria de chamá-lo de volta à família, de volta ao lar.
Uma ex-feminista, resgatada pela Palavra de Deus, Mary Pride se prontifica a desmascarar toda concepção humanista, anti-bíblica e antropocêntrica que as feministas e tantos outros movimentos pregam em nossos dias. Tais concepções deturpam a Verdade revelada na Palavra de Deus além de contribuir para o esfacelamento da célula-mater da sociedade, que é a família que Deus criou para a boa convivência dos homens na terra e glorificação do nome de Cristo.
Quando li este livro pela primeira vez, entrei em crise. Estava nos primeiros meses da Universidade e a sociologia falava alto na minha mente. Achei inadimissível lê-lo e mais ainda, vivê-lo da maneira cristã como a autora apresentava a família. Fiquei triste, muito triste... mas não me limitei a uma leitura só. Encarei uma segunda leitura! Desta vez, debaixo de oração para que o Espírito Santo fosse comigo e me quebrantasse diante de tais verdades, para que eu não fosse engolida pelas filosofias humanistas do mundo. Resultado: hoje eu sou bem conhecida por defender a família, por amar esta instituição divina e por ansiar a cada minuto por aquela família da qual serei mãe, se Deus assim permitir.
Embora seja um livro escrito para mulheres, eu recomendo aos homens também, afinal, a família não é composta apenas de mulheres, não é mesmo? Os homens precisam estar cientes do todo, afinal, é do marido que Deus pedirá contas do lar.
Não hesitem em comprar este exemplar, queridos leitores, tenho plena convicção de que fará diferença na vida de cada um de vocês, tanto quanto fez na minha.

Adquira aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...